quinta-feira, 15 de abril de 2010

Reflexões de 140 caracteres no máximo (via Twitter)

  1. Não tenho direito de apontar no outro os erros que também cometo, pelo menos antes de corrigir em mim mesma. 
  2. Olhar pra tirsteza e dor alheia traz conforto, pois enxergamos o quanto somos felizes e completos e não sabíamos. 
  3. Triste de quem julga e esquece que o que mais aponta é o seu próprio erro visto de outro ângulo: o do outro. 
  4. Egoísta! Quem não olha além do próprio umbigo e sente que o mundo é muito maior que o raio que o circula e a sua própria sombra 
  5. Sofreguidão essa de reparar um erro e esperar o perdão, mas o tempo do silêncio é necessário, para que o aprendizado seja efetivo. 
  6. Saber retribuir amor é arte. Aos incompetentes que não aprenderam ainda, muito sofrimento, quem sabe um dia viram pérolas e saem das ostras? 
  7. Se errar. Corrija. Mas tente não cair no mesmo erro. Errar de novo, persistir no erro... Já sabe, né? 
  8. Saber receber carinho e não desestruturar e desequilibrar é uma forma madura de gostar. 
  9. Queria saber amar direito, assim não sofreria e nem feriria aos que tem me feito tão bem... Amor pleno não cobra... Entende e aceita como é. 
  10. Por que tratar quem gostamos com patadas, ironias? Não seria mais fácil amar de verdade de vez? Qual a vergonha disso? Amar é tão bonito... 
  11. Triste descobrir que somos muito menores do que imaginávamos ser. Julgamento só cabem aos hipocritas. Não julgue para não ser julgado!