segunda-feira, 27 de outubro de 2014

MEU PEDIDO DE PAZ NAS REDES SOCIAIS!


Para todos! Por favor. É hora de tolerância. Que negócio é esse de xingarem-se por conta de eleição? De xingar pobre e nordestino, por outro lado ofender rico só porque nasceu em berço esplêndido? O que é isso? O mundo acabou e eu não percebi ou foi só uma eleição? Gente, pelo amor de Deus. Em toda eleição a moeda tem 2 lados. Adversários não precisam se engalfinhar como foi e nem tão pouco os seus eleitores. Vamos parar? Vamos acalmar os ânimos? Paz, por favor... 

PS.: Vamos brincar, levar com humor essa decisão, que foi acirrada, ou seja metade do país quis e a outra não a Dilma, e vice-versa. Ñ foi lavada. 

Por um mundo menos rancoroso, por uma sociedade mais tolerante, por uma nação mais equilibrada. Se não aprendermos a viver na democracia, nunca seremos governados em uma. Só seremos vítimas o tempo todo dos que se locupletam da ignorância, da falta de visão, da curta visão desse povo. Na tentativa, ou na ilusão de que está tudo bem como está e com o terror de voltar ao que era antes, ou pior, medo do retrocesso, descontinuidades ficamos entre a cruz e a espada. Fizemos todo o jogo requerido e fomos bonequinhos nas mãos dos 2 lados. E vejam, está aí, queiram vcs ou não. Nosso país ficou dividido, sim. E cabe a todos nós pensarmos em pedir por uma reforma política, onde se diminua o número de partidos, onde possamos ter candidatos mais capazes e preparados, e que se formalize uma oposição mais clara, pois ficamos sem esquerda no nosso país o que é um perigo e estabelece-se fácil, mesmo que velada, uma suposta ditadura, sim... Temos que cuidar para os radicalismos, os populismos não nos cegarem e aceitarmos migalhas. Nós merecemos mais. Somos capazes, somos uma pátria fértil e imensa. Nós merecemos muito mais.