sábado, 2 de janeiro de 2016


Eu amo ver filmes. Sobretudo clássicos. Vi uma foto no facebook que me remeteu há anos atrás: Sissi. Linda a Romy Schneider e depois descobri que ela era uma grande atriz consagrada pelos grandes cineastas de todos os tempos. Mulheres bonitas, clássicas, inteligentes, personalidades fortes são as que mais me chamam atenção e que admiro no cinema. Aliás, estou com saudade de ver Ingmar Bergman... Os filmes que mais me fazem pensar... Olha aí a wiki da Romy Schneider. Maravilhosa! j.mp/1R3Pm7C Pra quem não viu e não conhece nada do Bergman, recomendo... Vai o ‪#‎Wiki‬ dele para instigar a curiosidade: j.mp/1R3PMuS Morangos Silvestres (1957) é um grande filme e muito conhecido dele, mas há inúmeros títulos completos e legendados no Youtube. Eu me apaixonei por ele quando fui ver com um amigo e ex-professor da UERJ "Liv & Ingmar", um filme-documentário da linda Liv Ullman. Liv foi esposa, companheira, atriz principal de quase todos os filmes do Ingmar Bergman. Onde seus cenários e estética são peculiares. Amo de paixão esse universo deles... é contestador, quebraram paradigmas na época e suas próprias angústias e contradições foram externados. Recomendo que mergulhem nesse universo sem medo... No início dói um pouco, pq faz pensar o tempo todo. Nada é óbvio. Mas a gente sai novo.