segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Elis, Elis...

O que a Elis queria? Ser ela mesma, simples... Será que os fdp dos maridos maravilhosos que ela teve (que o último ainda levou a pobre da coitada à morte) não conseguiam entender? Os homens que levaram à Elis às drogas e que levaram à Elis à bebida... Elis estava estafada, estava cansada, estava insatisfeita, estava conflitada porque não sabiam amá-la. E como eu entendo disso, como entendo de conflitos e dissabores, de maus tratos e desamores, pessoas que não são sensíveis e saem nos machucando profundamente e nos matando a cada dia por dentro. Mas ela foi mais fraca que muitas Elises por aí que suportam muito, mais muitos mais e se dopam de trabalhar, cuidar dos filhos, maridos e caladas se dizem para o mundo felizes, mas por dentro, querem ser outras e não o podem ser, nem sonhar. Mulher sofre, e como dói não poder ser quem se quer ser.